top of page

A Magia do Ipé Rosa




Há vários Handroanthus conhecidos como ipê-rosa.

De crescimento bem rápido em regiões livres de geadas (em dois anos ela atinge 3,5 metros), pode atingir até 35 m. Floresce abundantemente de Junho a Agosto, e prefere climas mais quentes, porém num Inverno seco e ameno, ela oferece também uma linda florada no começo da Primavera. Ideal para áreas isoladas, ou paisagismo de grandes avenidas, o Ipê Rosa prefere solos férteis e bem drenados. É largamente empregada no paisagismo em geral por apresentar belíssimas inflorescências de cor rosa. É uma espécie recomendada para recuperação de ecossistemas degradados, sendo considerada promissora para revegetação de áreas contaminadas com metais pesados. O ipê-rosa é uma árvore nativa da América do Sul, distribuída bem entre o México e o Norte da Argentina, por conseguinte às regiões tropicais e subtropicais. Encontramos o ipê-rosa na Mata Atlântica da Argentina, Bolívia[4], Brasil e Paraguai. Nos climas Tropical úmido e subúmido; Tropical, com inverno seco; Subtropical de inverno seco e subtropical com verão quente. Temperaturas variando de 18 a 26°C.

Suas flores duram de Maio a Agosto. As suas numerosas flores são recortadas e na forma de sino.

A sua madeira é preciosa. É uma espécie conspícua e famosa com uma história longa do uso humano, usada como medicamento, e é utilizada na medicina alternativa. O ipê contem potássio, cálcio, ferro, bário, estrôncio e iodo. Contem também um potente antibiótico. Possuindo vários nomes populares, ipê-comum, ipê-reto, ipê-rosa, ipê-roxo da mata, pau d'arco-roxo, etc. A madeira às vezes é comercializada como "pau-brasil". O Ipê-rosa tem o Caule do tipo tronco, chegando a mais de 30 metros de altura e 90 cm de diâmetro. Folhas de coloração verde-escura, compostas, de distribuição oposta, medindo 6x10cm. A margem é serreada, há um pecíolo longo, liso e cilíndrico e a venação é nítida, do tipo peninérvea.

As flores estão agrupadas em inflorescências do tipo corimbo, medindo de 5 a 8 cm, com corola 5-mera, de coloração rosa, zigomorfa, gamopétala. O cálice é do tipo cupular, 5-mero, verde e gamossépalo. Existem 4 estames, didínamos, 2 anteras e um disco nectarífero. O ovário é súpero, bicarpelar, bilocular.

Ipê-rosa no Paraguai.

A floração ocorre de junho a setembro e a polinização é realizada por abelhas e pássaros. Os frutos medem até 50 cm, são pretos, secos e deiscentes, do tipo síliqua. A dispersão é realizada através do vento, as sementes medem de 2,5 a 3 cm de comprimento e são aladas. A magia existe na natureza. Vamos cuidar dela!



Comentarios


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page